Flatiron Building

Flatiron Building foi um dos primeiros prédios construídos em Nova York, inaugurado em 1902, e tem o nome de Flatiron (ferro de passar) porque o terreno onde foi construído tem o formato de um ferro de passar e o edifício foi levantado conforme o desenho do terreno.

Flatiron Building por John McKerrell (https://www.flickr.com/photos/mcknut/)

Endereço: 
175 Fifth Avenue

Localizado na 23rd Street, no ponto de encontro entre a Quinta Avenida e a Broadway, o Flatiron Building se destaca pelo seu formato diferente, pois o edifício é muito mais estreito que o comum, o que chama a atenção de todos que passam por ele. Com 93 metros de altura e 21 andares, o prédio também impressiona pela sua imponência, sendo definitivamente um dos edifícios mais famosos e visitados pelos turistas que viajam para Nova York.

História

O edifício começou a ser construído no início do século XX, em 1901, um período em que muitos arranha-céus estavam sendo levantados na cidade, e demorou cerca de dois anos para ficar pronto. O arquiteto escolhido para comandar o projeto foi o experiente Daniel Burnham, que já havia sido o responsável por outros edifícios famosos em Washington e Londres.

O objetivo da construção do edifício era servir como sede da empresa Fuller Company, contudo, o formato diferente e inusitado do prédio fez com que ele se tornasse um ponto de referência em Nova York e, com o passar do tempo, também um ponto turístico. Além disso, foi o formato fino do prédio que originou o seu nome, Flatiron Building, o qual começou apenas como um apelido mas posteriormente se tornou o nome oficial do edifício.

Em 1966, o edifício ganhou o título de marco histórico da cidade de Nova York e, duas décadas mais tarde, em 1989, foi declarado como um marco histórico nacional, o que demonstra a sua importância arquitetônica e cultural.

O que fazer no Flatiron Building?

Ao contrário de outros prédios famosos da cidade, o local não está aberto para visitação, pois nele funcionam salas comerciais. Porém, além de tirar fotos de sua fachada diferente e exótica, os turistas que quiserem também podem entrar até o saguão de entrada do prédio e ter uma ideia de como é a sua decoração e estrutura interna.

Ao visitar o local, os turistas podem aproveitar para conhecer também o Eataly, situado quase em frente ao edifício. Um dos complexos gastronômicos mais famosos da cidade, o lugar é especializado em culinária italiana e possui seis restaurantes sazonais que oferecem uma imensa variedade de opções.