The Morgan Library & Museum

The Morgan Library & Museum é um museu e uma biblioteca em Midtown Manhattan que possui obras de arte de Leonardo da Vinci, Pablo Picasso, Van Gogh e Rembrandt, entre outros

The Morgan Library and Museum, por sarahtarno (https://www.flickr.com/photos/chingers7/)

Endereço: 
225 Madison Avenue, New York City, New York

O The Morgan Library & Museum é um local imperdível para quem visita Nova York, pois reúne em um só lugar uma grande biblioteca e um museu com obras e artigos muito interessantes, até mesmo para aqueles que não são apaixonados por arte. Com uma grande variedade de peças em exposição, o museu ainda tem a vantagem de estar localizado próximo de outros pontos turísticos populares como o Empire State Building e o Bryant Park.

História

O The Morgan Library & Museum foi formado, em grande parte, pelo vasto acervo de obras, manuscritos, livros e objetos raros do magnata J.P. Morgan, um grande entusiasta de arte que acumulou uma coleção valiosa ao longo dos anos. Antes de falecer, J.P. Morgan contratou os serviços do arquiteto Charles McKim para projetar uma imensa biblioteca em sua residência, a qual foi aberta ao público em conjunto com o restante da casa, no ano de 1924 pelo seu filho, John Pierpont Morgan Jr.

Conforme os anos foram passando, o acervo do museu foi sendo gradativamente ampliado, o que levou a construção de um edifício ao lado da locação original, para conseguir manter em exposição todas as obras e artigos adquiridos. Posteriormente, em 1966, devido a sua importância para a cidade de Nova York, o lugar passou a ser considerado como patrimônio histórico dos Estados Unidos.

Em paralelo ao reconhecimento histórico, o museu também ganhou notoriedade perante ao público, sendo visitado anualmente por um grande número de turistas e também pela população novaiorquina. Desse modo, o local se tornou uma parada obrigatória para quem se interessa por arte e cultura.

O que ver no The Morgan Library & Museum?

Ao visitar o local, são várias as opções do que conhecer, sendo indicado reservar ao menos algumas horas para esse passeio. Entre as obras imperdíveis, estão os quadros de artistas que marcaram a história da arte, como Leonardo da Vinci, Pablo Picasso, Van Gogh e Rembrandt, e ainda um rascunho de Michelangelo que data do século XV, chamado "Annunciation to the Virgin".

Para os visitantes que se interessam por música, estão expostas no museu algumas partituras originais de Mozart e Bethoven, além das folhas de papel em que o gênio Bob Dylan, ganhador do prêmio Nobel de Literatura de 2016, escreveu músicas de sucesso como "It Ain't Me Babe" e "Blowin' in the Wind". E esses são apenas alguns exemplos pois o local tem um acervo variado e capaz de surpreender os seus visitantes.

Antes de ir embora, os turistas ainda podem conferir a loja de lembranças do museu, onde estão à venda vários objetos e artigos relacionados as obras expostas no local, funcionando assim como um ótimo presente de Nova York.